fbpx
Compartilhe

Todos os anos milhares de contribuintes tem dificuldades no preenchimento do formulário online da Receita Federal, mesmo trazendo todos os meios de como fazer, muitos acabam por se enrolar e outros perdem o prazo para a declaração do IR (Imposto de Renda).

Devido a confusão de informações no momento do preenchimento da declaração do IR, como exemplo uma palavra diferente ou mesmo uma vírgula pode mudar completamente a direção da declaração. Saiba como isso não ocorrer de acordo com o cronograma da Receita Federal.

Atrasar ou não declarar o Imposto de Renda

Aquela pergunta “se eu não declarar o Imposto de Renda, o que acontece?” está entre as principais dúvidas de inúmeros brasileiros. Muito desse sentimento, no entanto, é causado pela falta de informação.

O prazo para a entrega da declaração no ano-base 2019 é até o dia 30 de abril de 2020 e, se ainda não fez a sua, está sujeito a algumas ações da Receita. Então, é necessário ficar atento.

Neste conteúdo, falaremos e mostraremos o que acontece quando há atraso ou não se declara o Imposto de Renda. A dor de cabeça é tão grande que vai achar muito melhor declarar seu imposto!

Quais os prejuízos de deixar para fazer o imposto em cima da hora e a multa paga quando não se declara o IR?

Declarar o Imposto de Renda é crucial para manter as obrigações em dia e, principalmente, evitar problemas com a Receita Federal. O cidadão que não faz isso está sujeito a prejuízos financeiros bem maiores do que o imposto devido.

Caso ocorra o atraso na declaração de IR, a Receita Federal ainda determina um prazo extra para a entrega das declarações atrasadas. Ou seja, se você não declarou dentro do prazo oficial que é até 30/04/2020, poderá ter mais alguns dias para enviar a declaração em atraso, mas terá que pagar multa.

Se não houver endividamento de imposto, pagará uma quantia estabelecida pela Receita. Mas se já houver uma dívida, a multa é calculada de acordo com os dias em atraso. Atualmente, é estabelecida uma porcentagem de 1% ao mês sobre o valor total do imposto devido, chegando a 20%.

Como declarar Imposto de Renda atrasado?

Uma vez que, quanto maior o atraso, maior a multa a ser paga. Faça o download do programa disponibilizado no site da Receita Federal e registre todas as informações exigidas. Logo após, o sistema vai calcular o valor da multa.

Assim, para os que não tenham entregue as declarações dos anos anteriores, a Receita exige que se faça o envio dos últimos 5 (cinco) períodos, fazendo o download dos respectivos anos.

Aos trabalhadores no regime CLT (carteira assinada), o imposto é debitado a cada mês. Desse modo, o imposto após a declaração é bem pequeno, de modo que a multa será menor.

No caso de pessoas que pagam o IR total somente após a declaração, a situação pode ser mais complicada. Assim, é bom resolver o quanto antes para regularizar a situação, as chances de o valor da multa aumentar são maiores.

Procedimentos adotados

Como já vimos no começo, os contribuintes cujo o rendimento tributável do IR, tem até dia 30/04/2020 para realizar a entrega da declaração anual 2019 e escolher a forma de pagamento do imposto. O sistema da Receita Federal não traz possibilidade de ser opcional, portanto há uma obrigatoriedade em fazer o procedimento conforme o cronograma que a Receita Federal demonstra todos os anos.

Com um profissional especializado é possível verificar quais os procedimentos que podem ser adotados. Para tanto é necessária uma consultoria com profissional especializado nas tratativas e na seguridade de seu caso, vale a pena ter a assessoria junto à Fradema.